Como eu consegui abrir a minha empresa com informação gratuita

Eu tenho uma frase que uso como máxima na minha vida: informação é poder! Sem informação, nós não somos nada e quanto mais nós conseguimos ter acesso a informação de qualidade, mais sucesso nós podemos ter na nossa vida.

Quando eu decidi começar a minha empresa, eu estudei muito antes de começar a colocar a mão na massa. Procurei informações com outros amigos empreendedores, mas, sobretudo na internet! Canais do YouTube, sites e blog me ajudaram muito a entender a complexidade do que eu estava querendo começar, do que eu precisaria pra tirar isso da minha cabeça e materializar, e também do que estaria em jogo para mim nessa empreitada.

Uma das coisas que mais me deixava cheia de dúvidas era a parte da contabilidade. Eu não sabia se teria muita grana para investir em um contador ou em uma empresa de contabilidade para cuidar do meu negócio e eu morria de medo de errar alguma coisa na hora de prestar contas junto ao governo e acabar sendo penalizada por isso, então esse ponto acabou sendo uma grande barreira pra mim no começo.

Porém, graças à informação, eu descobri que existem empresas como a Cont Simples, que oferecem diversos planos de serviços de contabilidade de qualidade, com profissionais com uma super experiência de mercado, e com valores acessíveis porque ela presta serviços de maneira totalmente online.

Foi no blog da Cont Simples que eu encontrei um post bem bacana explicando todo o passo a passo para quem quer começar uma empresa e esse post me ajudou demais, além de ter me mostrado que eu podia confiar na qualidade do serviço deles que eu iria contar com uma empresa séria e com experiência cuidando da contabilidade do meu negócio, e o melhor: com um preço bem em conta!

Escolha com calma a sua Banda de casamento

Eu não sei vocês, mas eu sempre sonhei em casar. E meu casamento, nos meus sonhos sempre foi algo muito perfeito e incrível. Esse sonho incluía todos os detalhes possíveis para que fosse desse jeitinho que quis. Pensei em cada detalhe para tornar minha noite, do meu noivo, da minha família e meus amigos o mais especial possível.

Toda mulher sonha em casar, né? E com certeza nesse dia tem mesmo que ser tudo perfeito, do nosso jeito e como sonhamos. São de fato muitos detalhes para pensarmos e resolvermos, por vezes ficamos até meio perdidas. É decoração, comidas salgadas, doces, bem-casados, vestido, local para a cerimônia, local para a festa, lista de convidados, madrinhas e padrinhos, convites e algo que para mim é fundamental: música de boa qualidade!

Pegando esse gancho, é exatamente sobre o que eu quero contar para vocês. Depois de escolher todos os detalhes para a grande noite comecei a pesquisar bastante sobre bandas de casamento rj. Pedi dicas a amigas que já haviam casado, pesquisei no google e pedi ajuda a minha cerimonialista. Busquei bastante mesmo entre os meus amigos e conhecidos, pois, queria uma banda que tocasse tudo que eu sempre sonhei. Que dessem aquela atenção que eu precisava e que embalasse minha noite com as melhores músicas possíveis. Durante esse processo, tive algumas indicações, porém, a que mais me agradou foi a Summer Factory. Eles são maravilhosos! Eles tem várias opções de conjuntos musicais para se adequarem ao que você quer. Por exemplo, tem a Banda Summer Factory que toca de tudo e se adequa ao que você gosta, pode ser rock, sertanejo, flash bach ou atualidades, pop ou qualquer outro tipo que escolher. Também tem a Orquestra Summer Factory que contém diversos instrumentos e até cantores líricos, é perfeito para aquela entrada triunfal da noiva, sabe? Tem também a Summer Bossa que é a fusão lírica de samba e jazz, perfeita para você que curte uma boa Bossa Nova com aqueles clássicos maravilhosos. Existe também a Summer Jazz que toca os maiores clássicos do jazz internacional. A K-Rioca Samba Show que traz o carnaval para dentro da sua festa, são super animados e já estão no mercado há mais de 10 anos, eles tem, inclusive, passistas! E tem também a Vinny Rockabilly Trio que é comandado pelo Vinny Bonotto com o seu double bass bem clássico dos anos 50. O Fernando Sauma com suas guitarras semi acústicas e o Diego Andrade na bateria reduzida compõe o resto do trio, seguindo bem o estilo Rockabilly. Eles tem suas próprias composições, mas toca também várias versões do Rock Internacional para embarlar sua noite!

Quando conheci esse trabalho incrível da Summer Factory, não perdi tempo em entender melhor como eles funcionam. Fui procurar saber os valores e negociei tudo como eu queria. Contratei três delas, a Banda Summer Factory, a Orquestra Summer Factory e a K-Rioca Samba Show. Sério, gente, foi tudo incrível demais. De antemão já entenderam tudo que eu sempre sonhei e queria. O profissionalismo deles é incrível e não tive como conter as lágrimas em diversos momentos do casamento.

Quando chegou o tão sonhado dia, passei o tempo todo nos preparativos, no dia da noiva. E a ansiedade de vê-los tocando quando eu fosse entrar para subir ao altar era enorme! A cerimônia foi a coisa mais linda desse mundo. E eles tiveram uma parcela enorme de responsabilidade nisso. Todos presentes compartilharam dessa emoção a cada música linda que era tocada por eles. E se divertiram também na mesma proporção. Dançamos muito a noite inteira! Eu e meu noivo – agora marido – ficamos muito felizes com tudo. Todos saíram de lá elogiando todas as nossas escolhas. Principalmente nas músicas.

Foi realmente a noite dos sonhos que tanto esperávamos. Acabei aquela noite com a certeza absoluta de que fiz as melhores escolhas possíveis para tornar a noite realmente especial. Com todo cuidado que tive, era praticamente impossível que não fosse tudo incrível. E posso afirmar que a escolha na banda e das músicas influiu diretamente para que tudo fosse perfeito. E tenho certeza que toda aquela noite vai refletir no que será nosso casamento daqui pra frente. Lindo como tudo que compôs o meu dia! Vou lembrar pra sempre daqueles momentos, daquelas músicas, daquelas vozes e instrumentos. Eu e toda a minha família e amigos ficamos muito gratos por tudo. Por isso, super indico a todos que procurem esse trabalho incrível. Tenho certeza que sua noite será tão especial quanto a minha.

O que aprendi lendo Pai Rico, Pai Pobre

Bom, primeiramente gostaria de ressaltar que esse post tem o objetivo de narrar uma experiência pessoal que eu acho que pode vir a ajudar de alguma maneira pessoas que se encontram na mesma situação que eu me encontrava antes de ler Pai rico Pai pobre.

Desde quando entrei no mercado de trabalho, eu tinha dificuldades de controlar as minhas despesas pois sou muito consumista. Sempre pensei que o dinheiro que a gente ganha é pra gastar mesmo e atender os nossos luxos e caprichos e nunca me preocupei em economizar de alguma forma, nem nunca pensei no futuro. O resultado disso? Dívidas, mais dívidas e uma vida financeiramente complicada e instável.

Depois de muitos anos vivendo desse jeito, eu já não conseguia mais me sentir feliz de trabalhar tanto e ver todo o meu dinheiro ir embora com pagamento de contas. Não conseguia viajar nas minhas férias ou nem mesmo sobrava para aplicar num fundo de investimento para ter algum rendimento com o fruto do meu trabalho ao longo de um mês, e isso passou a me incomodar muito.

Ao perceber isso, minha melhor amiga me indicou esse livro que foi escrito por um empresário e escrito muito bem-sucedido chamado Robert Kyosaki que, além desse livro, publicou diversos outros relacionados a esse tema. Em Pai Rico Pai Pobre, Kyosaki retrata a busca pela independência financeira, o que eu precisava encontrar de qualquer jeito naquele momento da minha vida e, graças à essa obra, eu consegui. Além disso, ela me fez abrir os olhos para um tema que eu vou tratar mais adiante nesse post: o mundo dos negócios.

O livro, inclusive, é bastante indicado para quem está entrando nesse mundo e quer se instruir mais sobre o assunto, mas no meu caso, também foi de extrema utilidade pois me fez enxergar tudo a partir de uma outra perspectiva que eu vou contar pra vocês ao longo do texto. Aliás, caso vocês queiram ler um resumo da obra e acho que será bem interessante para a compreensão do meu artigo, no site do Mago do Mercado vocês podem encontrar. Tem um post bem bacana todo dedicado ao livro.

Em primeiro lugar, o livro me fez enxergar que a minha vida era uma gigantesca corrida dos ratos. Ele utiliza esse termo para descrever a situação em que você trabalha somente para pagar contas, e isso independe do quanto você ganha, pois quanto mais dinheiro você tem, mais você acaba gastando, aumentando suas despesas e permanecendo nesse círculo vicioso. Até então, eu nunca tinha me dado conta de que isso era um problema e não consigo mensurar a sensação de frustração que tive ao perceber que essa era a minha situação financeira.

Foi aí que eu percebi que estava investindo errado. Conforme meu salário aumentava, mais bens de consumo eu comprava, como roupas mais caras, um carro mais moderno e uma casa maior me trariam o status de que eu estava “bem de vida” e não percebia que essas coisas só me geravam mais e mais despesas, sendo que os ricos de verdade controlam muito bem o seu dinheiro e não saem por aí comprando no impulso, como eu costumava fazer.

Com o livro, aprendi também foi enxergar esses luxos como passivos, ou sejas, coisas que tiram dinheiro. Investir em ativos é que é o grande segredo. Esses ativos podem ser ações, imóveis, títulos, propriedade intelectual, entre outras coisas que geram renda para quem os detém. Robert ensina que o caminho para conseguir a tão sonhada independência financeira está em conseguir fazer esses ativos superarem os seus passivos, de modo que sempre sobre dinheiro.

O que eu mais gostei no livro é que ele não é um manual ou um guia prático que te dá o passo a passo de como ser financeiramente independente. O que ele faz é te conscientizar lá no fundo, te mostrando a raiz do problema para que você consiga assim assumir o controle do seu dinheiro e começar a fazê-lo trabalhar para você, e não o contrário, como geralmente é.

É nesse aspecto de fazer o dinheiro trabalhar para você que eu comecei a pensar no mundo dos negócios e dos investimentos. Já faz algum tempo que eu li esse livro que mudou a minha vida e, desde então, mudei todas as minhas práticas econômicas até conseguir sair da tal corrida de ratos. Foi difícil, mas se você tiver um foco, algo que te motive de verdade, você conseguirá.

O meu foco foi justamente deixar de ser funcionária para arriscar ter o meu próprio empreendimento e começar a investir, pouco a pouco, na bolsa de valores. Foi uma decisão radical, pois sempre tive estabilidade no meu emprego antigo, mas foi uma decisão muito bem pensada e planejada ao longo desse tempo.

Foi preciso muito estudo acerca dos dois temas para começar a tirar a ideia do papel, além de muito controle e uma reeducação financeira, que foram cruciais para que meu dinheiro começasse a sobrar para eu investir no meu sonho de ter o meu próprio negócio. Sempre gostei muito de cozinhar, sobretudo de fazer sobremesas e doces diferentes, e agora vou abrir a minha primeira brigaderia artesanal e não poderia estar me sentindo mais feliz e realizada.

É por esse motivo que escrevo este artigo e indico bastante esse livro, pois ele realmente mudou a minha vida de tal maneira que não consigo nem descrever. Então, se você não aguenta mais ver seu dinheiro indo pro ralo e não consegue sair dessa corrida de ratos, repense a sua vida financeira e comece a gastar o seu dinheiro corretamente, pois aí não será gasto, mas sim investimento porque ele sempre te trará algum retorno.

E se você já conseguiu se reestruturar financeiramente, mas ainda tem medo de abrir o seu próprio negócio, deixe isso de lado e coloque a mão na massa. Estude bastante, procure os melhores meios de tornar esse sonho possível e seja você mesmo o sujeito agente da sua vida.

Emagreça NOW!

praticando-o-poder-do-agora-ensinamentos-essenciais-meditacoes-e-exercicios-de-o-poder-do-agora-163232O poder do Agora é um livro muito interessante que mostra como as pessoas não conseguem focar simplesmente no agora. A ideia do agora é extremamente simples e por mais obvia que possa parecer ela é extremamente difícil de ser aplicada pela maioria das pessoas. Isso pode ser facilmente aplicado em qualquer setor da sua vida e hoje vou falar em como emagrecer pode ser um exemplo de como aplicar o poder do agora (now). Fique ligado e mesmo se você não quiser emagrecer ou perder peso ou ficar em forma, saiba que você pode aplicar este conceito em outras áreas da sua vida.

Para emagrecer e perder peso não existe formula mágica e infelizmente não existe poder nenhum que faça você emagrecer agora, neste exato momento. Mas você precisa mudar o seu pensamento e a forma como você raciocina aplicando o poder do agora para poder descobrir como emagrecer. Vamos entender primeiro o que é o pensamento do poder do agora.

O poder do agora consiste basicamente em pensar no momento atual que você esta vivendo. O que realmente acontece com qualquer um que esta desligado é que perdemos tempo pensando ou no passado ou no futuro. Os anseios principais na nossa mente são criados por essas expectativas do futuro e pelos arrependimentos do passado. Só que não podemos mudar o passado e nem nos preocupar com cada detalhe do futuro. Se você conseguir focar sua mente para uma coisa que você quer no futuro, não deve perder tempo se preocupando com as coisas que vao atrapalhar esse processo e com o medo de fracassar. Simplesmente foque no que você pode fazer agora para poder emagrecer e perder peso rápido! E como eu disse antes, não existe mistério, você precisa comer bem e fazer exercícios, já que não há ainda formula mágica. Quando você conseguir aplicar esse conceito vai conseguir ver que depois o habito virá e você estará perdendo peso naturalmente.

Importar da China ainda vale a pena?

Há alguns meses atrás eu dei uma excelente dica de um tipo de negócio que é extremamente viável mesmo para quem ainda não tem muita experiência. Esse negócio é o negócio de importação da China. Muitas pessoas investiram tempo para aprender como importar da China e agora com as recentes e péssimas notícias econômicas para o Brasil e alta vertiginosa do dólar se perguntam se realmente valeu a pena e se importar da China para revenda no Brasil é algo que ainda vale a pena. Bom, para essas pessoas eu só tenho a dizer que de fato não há nada que impeça começar o negócio e na realidade eu acho que a oportunidade continua tendo tanta perspectiva de lucratividade quanto antes, sendo apenas necessário que se tome alguns cuidados extras e foque a ação naquilo que é realmente importante para o desenvolvimento do negócio.

como importar da China

Mas no que exatamente você deve focar se quiser fazer com que o seu negócio de importação da China para revenda seja bem sucedido mesmo em tempos de crise. Em primeiro lugar você deve se certificar que você tem um item com uma alta margem de lucro, quanto maior melhor. Esse pode parecer um conselho meio óbvio mas é impressionante o número de pessoas que não acharam exatamente um produto em que seja possível realizar uma boa quantia de lucro por venda mas que simplesmente pararam de procurar.

Por exemplo, uma dica bastante valiosa que eu dou é tentar substituir os produtos que você vende por acessórios ou, de maneira geral, algo que seja mais barato e, desse modo, mais tranquilo de fazer com que tenha uma boa lucratividade em seu negócio. Outro ponto fundamental para quem quer ser bem sucedido empreendendo neste ramo mesmo em tempos de crise é saber exatamente como os tributos que incidem na importação estão afetando o seu negócio.

Por onde começar seu negócio de importação da China?

Uma das melhores oportunidades de baixo custo para quem esta pensando em sair do emprego e iniciar seu próprio negócio é a importação de produtos da China para a venda através da Internet. Apesar de ser uma excelente oportunidade para quem busca independência financeira e a liberdade que você só pode desfrutar quando é dono do seu próprio negócio, existem uma série de dúvidas que circulam na cabeça de quem quer ser empreendedor mas não sabe ainda direito por onde começar. Afinal, são tantos detalhes a se pensar que muitos resolvem desistir da ideia de ter seu negócio muito antes de ele sequer começar!

Mas não precisa ser assim. Esse artigo foi escrito tendo em mente pessoas que ainda não sabem muito bem como funciona a importação de produtos da China e como fariam para vender os produtos assim comprados por aqui. Bom, para começar você precisa entender que não são todos os produtos comprados da China que são pirateados ou falsificados. Existem muitos produtos originais e muitos similares fabricados la mesmo que funcionam perfeitamente bem, não havendo assim razão para se preocupar. Tudo é uma questão de você produtos que tenham uma boa saída por aqui sem que isso signifique uma grande competição a ser enfrentada.

Importar da China com segurança

Um segundo ponto importante de ser considerado é onde exatamente vender os produtos que você vai importar da China. Supondo que você já aprendeu como importar barato da China, existem basicamente duas opções: Sites de leilão ou uma loja Virtual própria. Ambas as situações apresentam vantagens e desvantagens que você deve refletir muito bem antes de tomar sua decisão. Por um lado, sites de leilão podem ser a melhor escolha no curto prazo, pois irão lhe oferecer um bom tráfego logo de cara, o que pode resultar em boas vendas sendo concretizadas. Entretanto, depois desse estágio inicial, ter uma loja Virtual, com uma marca consolidada, certamente lhe renderá muito mais frutos.